Passar para o conteúdo principal

Análise

Os módulos do software como unidades inteligentes, continuamente analisam e interpretam dados em tempo real.

Fornecem recomendações para o CLEANING MANAGER sobre ONDE, COMO e QUANDO limpar.

Devido às condições diferentes de processo dentro da caldeira, a fornalha e a área convectiva exigem suas próprias unidades de análise. Com dois centros de análise correspondentemente especializados, o SMART Furnace e SMART Convection, a Clyde Bergemann garante a melhor avaliação de cada situação de depósito. Esta avaliação atende às necessidades de um sistema de limpeza inteligente de caldeira.

SMART Furnace

A tarefa dos módulos de software SMART Furnace é continuamente monitorar e avaliar a situação de depósito na fornalha e determinar as ações adequadas de limpeza orientada por demanda. As tarefas principais do SMART Furnace são as seguintes:

  • Monitorar de forma contínua a situação de depósito na fornalha
  • Validação contínua dos dados de medição;
  • Análise do status de depósito;
  • Determinação de uma estratégia de limpeza adequada e orientada por demanda para a fornalha.
Princípio de funcionamento
  • A divisão da caldeira em zonas representa uma base importante para a detecção precisa da posição dos depósitos dentro da superfície de aquecimento.
  • As análises são realizadas para cada zona para determinar o respectivo status do depósito.
  • As temperaturas de superfícies e/ou fluxos de calor medidos são convertidas em coordenadas que representam a posição e a intensidade do depósito.
  • As áreas da caldeira que não podem ser limpas, como o queimador e as alimentações de ar secundárias, são consideradas na distribuição das zonas.
  • Nesta base orientada por demanda, o SMART Furnace gera requisitos seletivos de limpeza.
  • O modo de "Circuito fechado" selecionável avalia uma operação de limpeza avaliando-se valores de medição direta do sensor.
Vantagens
  • Limpeza de fornalha em operação orientada por demanda, seletiva e automática na prevenção de depósitos incontroláveis.
  • Melhor absorção de calor no evaporador.
  • Redução da temperatura do gás de saída da fornalha.
  • Mais flexibilidade no uso de diferentes qualidades e composições de combustível.
  • Menor influência no processo através da limpeza específica e reduzida da fornalha .
  • Visualização estruturada e fácil de seguir dos valores medidos no evaporador.
  • Monitoramento contínuo e análise da tensão térmica nas superfícies de aquecimento da parede do evaporador.
SMART Convection

O SMART Convection é o módulo para o monitoramento contínuo e a avaliação da situação do depósito na parte de convecção de geradores de vapor e a determinação de ações de limpeza adequada e orientada por demanda. As tarefas principais do SMART Convection são as seguintes:

  • Monitorar de forma contínua a situação de depósito na parte convectiva;
  • Validação contínua dos dados de medição;
  • Análise do status dos depósitos;
  • Determinação de uma estratégia de limpeza adequada e orientada por demanda.
Princípio de funionamento
  • A divisão da caldeira em zonas é uma base importante para a extensa flexibilidade do SMART Convection.
  • A detecção do status de depósito baseada em zonas de acordo com a combinação inteligente de informações de diagnóstico e dados analíticos.
  • Determinação de uma estratégia de limpeza seletiva para a parte de convecção.
  • O modo de "Circuito Fechado" selecionável para análise de uma operação de limpeza realizada avaliando-se valores de medição direta do sensor.
Características
  • O SMART Convection recebe as informações do TDM, Matrix Clean e SHFM e a converte em parâmetros de limpeza correspondentes para que somente os sopradores de fuligem necessários sejam identificados e sejam definidos os parâmetros de execução por demanda.
  • Todas as ações de limpeza parametrizadas têm o status de uma recomendação que é encaminhado para o CLEANING MANAGER para a limpeza e a decisão final.
Vantagens
  • Limpeza em operação na parte convectiva orientada por demanda, seletiva e automática.
  • Prevenção de depósitos incontroláveis.
  • Melhor absorção de calor na parte convectiva.
  • Redução da temperatura do gás de combustão após ECO.
  • Mais flexibilidade no uso de diferentes qualidades e composições de combustível.
  • Informações adicionais no processo de geração de vapor, por exemplo, perfil de temperatura de gás de combustão ao longo do fluxo do gás de combustão.
  • Redução do consumo dos fluidos de limpeza.
  • Menor influência no processo devido à limpeza seletiva e reduzida na parte convectiva.
  • Visualização estruturada e fácil de seguir do gerador de vapor.
Modelagem Termodinâmica (TDM)

Modelagem Termodinâmica em tempo real

Com a Modelagem Termodinâmica (TDM), todo o processo da planta de geração é ilustrado e termodinamicamente balanceado. O TDM trabalha com o processo real e medição de dados, principalmente do circuito de água/vapor e do fluxo de gás de combustão.

Princípio de funcionamento
  • Da biblioteca de componentes, são selecionados todos aqueles necessários para planta de geração, desde o fornecimento de combustível e ar ao fluxo de gás de combustão até a circulação de água-vapor e os parâmetros de processo associados.
  • Todos os componentes relevantes da planta são inicialmente relacionados entre si em um modelo com base nos dados de projeto
  • Para usar o modelo durante a operação, são utilizadas listas de sinais provenientes do SDCD.
  • O TDM lê os valores necessários de processo e medição para cada etapa de cálculo de forma totalmente automática e em tempo real
Vantagens
  • Desenho dos processos específicos da planta e inter-relações.
  • Validação e verificação da plausibilidade dos dados do sistema de medição.
  • Determinação de valores medidos e/ou parâmetros de processo adicional faltantes, por exemplo, temperaturas do gás de combustão entre as superfícies de aquecimento.
  • Cálculo da eficácia da superfície de aquecimento.
  • Software para limpeza inteligente de caldeira em operação.
MATRIX Clean

Localização de depósitos em feixes de trocadores de calor

O Matrix Clean é projetado para uso em feixes de trocador de calor horizontais e análise da diferentes situações de incrustação dos trocadores de calor na parte convectiva da caldeira.

Princípio de funcionamento
  • Definição da matriz de limpeza - trocadores de calor são divididos em zonas.
  • Combinação de medição (Sensores SMART Gauge) e modelagem termodinâmica (TDM).
  • Todos os sensores SMART Gauge instalados sobre os tirantes dos feixes dos trocares de calor, enviam os dados de peso medidos diretamente para o módulo de software Matrix Clean para avaliação.
  • Os depósitos crescentes são indicados por um aumento de peso.
  • Combinado com os valores de transferência de calor do trocador calculados individualmente por TDM passa a ser conhecido onde exatamente nos feixes o depósito está localizado.
Características
  • Todas as informações necessárias estão disponíveis para selecionar os sopradores de fuligem e definir os parâmetros de limpeza por demanda.
  • A ativação de um grupo completo de sopradores de fuligem não é mais necessária.
  • Como a situação de depósito é analisada seletivamente é possível determinar para cada de ação de limpeza a eficiência de cada  soprador de fuligem, individualmente e até mesmo os parâmetros de limpeza tanto na inserção como na retração de todos os sopradores de fuligem.
Vantagens
  • Limpeza em operação orientada por demanda, seletiva e automática da parte convectiva.
  • Prevenção de depósitos incontroláveis.
SHFM - Monitor de Incrustação de Superaquecimento

O SHFM, Monitor de Incrustação de Superaquecedor, é projetado para o processo com características específicas de trocadores de calor verticais. A tarefa do SHFM consiste na localização dos depósitos em trocadores de calor verticais.

Princípio de funcionamento
  • Os sensores SMART Gauge montados sobre os tirantes dos superaquecedores verticais enviam os dados de peso que foram medidos diretamente ao módulo de software SHFM para análise.
  • Os depósitos crescentes são indicados por um aumento de peso e localizam áreas de depósitos pesados.
  • O SHFM encaminha estas informações para o SMART Convection.
  • O SMART Convection define os parâmetros de limpeza necessários e identifica os sopradores de fuligem e encaminha estas informações para o CLEANING MANAGER.
Características
  • A medição direta do peso pode ser convertida para a posição das cinzas no superaquecedor na proporção de 1: 1.
  • Como o sistema reconhece os resultados de cada ação de limpeza, um processo de autoaprendizagem é configurado.
Vantagens
  • Limpeza em operação da parte convectiva orientada por demanda, seletiva e automática.
  • Prevenção de depósitos incontroláveis.